DERMATITE SEBORREICA

Olá minhas lindas, sentiram minha falta??? Eu estava morrendo de saudades de escrever para vocês. Meninas, como vocês sabem passei por um processo de mudanças. Mas mudanças boas, viu meninas, troquei de espaço para melhor atende-las, depois coloco aqui no blog o meu novo endereço e meninas… ficou top 😉

Por isso fiquei um tempo sem escrever, mas voltei com tudo e hoje o assunto é algo bem importante, a famosa ”Demartite Seborreica”. Mas Dricka, o que é isso?

Isso, minhas lindas, é uma doença de pele que provoca vermelhidão e costuma vir acompanhada de coceira e descamação. A dermatite seborreica, também chamada de eczema seborreico, é uma doença da pele bastante comum e de pouca gravidade. Esta forma de dermatite é uma inflamação crônica que surge em áreas da pele que contêm grande número de glândulas sebáceas (geralmente causadas por fungos).

Ela se caracteriza por lesões de pele tipo placas vermelhas que coçam e podem descamar. As lesões surgem habitualmente em áreas com grande produção de oleosidade na pele, como couro cabeludo, face, região peitoral, canal auditivo e costas.

Quando esse tipo de problema acomete sobre o couro cabeludo, a produção de caspa é um dos seus sinais mais comuns.

Mas meninas, a dermatite seborreica não é uma doença contagiosa e não é um sinal de má higiene pessoal e nem fará a pessoa que tocar nas lesões pegar a doença.

Um detalhe importante é que ela não irá afetar sua saúde de forma relevante, mas pode ser desconfortável, devido à coceira, e causa constrangimento quando as lesões se desenvolvem em partes visíveis do corpo, como no caso da dermatite seborreica no rosto.

É uma doença que têm dois picos de incidência: durante o primeiro ano de vida e após a puberdade. Uma vez que as lesões tenham surgido pela primeira vez, ela torna-se uma doença crônica, que vai e volta ao longo das décadas, com períodos de agravamento das lesões, seguidos de grande melhora e desaparecimento dos sintomas.

Estudos apontam que a dermatite seborreica ocorre em cerca de 20% da população mundial, porém, somente 3% lesões de pele são clinicamente relevantes. Um detalhe, meninas, é que os homens são mais acometidos que mulheres.

Vocês já devem estar se perguntando, mas Dricka, isso tem tratamento?

Tem sim meninas, porém não existe uma cura para dermatite seborreica, mas há tratamentos e a doença pode ser controlada de forma a não causar incômodo ao paciente.

Os casos leves, somente com caspa no couro cabeludo, podem ser controlados apenas com shampoo anti-caspa. Há vários tipos de shampoos anti-caspa disponíveis no mercado. A diferença entre eles é o ingrediente ativo. Shampoos com qualquer uma das substâncias abaixo são igualmente eficazes após quatro semanas de uso:

– Sulfeto de selênio.
– Ciclopirox.
– Ácido salicílico.
– Alcatrão.
– Piritionato de zinco.
– Cetoconazol.
– Clotrimazol.

O shampoo deve ser deixado no cabelo por pelo menos 5 minutos antes de ser enxaguado.

Se não houver melhora com os shampoos tradicionais, ou se as lesões forem muito intensas, uma consulta com o médico dermatologista faz-se necessária. O uso de loções ou shampoos especiais com corticoides pode ser preciso para o controle das lesões.

Nas lesões na face ou tronco, cremes com corticoides e antifúngicos (ex: hidrocortisona + cetoconazol) costumam ser eficientes. Outras opções incluem cremes ou pomadas com pimecrolimos ou tacrolimos.

Mas minhas lindas, algo muito importante, todo tratamento deve ser seguido a risca e sempre procure bons profissionais.

É isso ai meninas, se você apresenta alguns dos sintomas aqui citados, procure tratamento imediato. Boa semaninha.

Beijinhos da Dricka 😉

 

 

 

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s